Oasys Cultural
Pesquisa sem resultado

Escritores para feiras de livros

Marcelo Mirisola

“Para quem não me conhece, aqui vai a ficha: meu nome é Marcelo Mirisola, nasci na cidade de São Paulo, em 1966, a mesma safra de Romário, Mike Tyson e Fernandinho Beira-Mar. Sou um cara bonito (...) Além disso, não uso qualquer aditivo diferente do meu talento para chegar aos lugares – às vezes errados... – que planejo de antemão.” Considerado um dos mais criativos, originais e polêmicos escritores brasileiros contemporâneos. Seus livros mais recentes são Paisagem em reboco (Oito e Meio, 2015), Teco, o garoto que não fazia aniversário (Ed. Barcarolla, 2013), escrito a quatro mãos com Furio Lonza, O Cristo Empalado (Ed. Oito e Meio), Charque (Ed. Barcarolla, 2011), romance de tintas autobiográficas, e o livro de contos Memórias da Sauna Finlandesa (Editora 34, 2009). Escreveu também os romances Joana a contragosto (Record, 2005), O azul do filho morto (Editora 34, 2002), Animais em extinção (Record, 2008), o livro de contos Fátima fez os pés para mostrar na choperia (Estação Liberdade, 2006) e o de crônicas O homem na quitinete de marfim (Record, 2006). Uma palestra de Marcelo Mirisola é um bate-papo valioso com um dos escritores mais criativos, polêmicos e elogiados da literatura brasileira contemporânea. Equivocadamente comparado a Henry Miller, Nelson Rodrigues e Céline, embora admirador declarado da obra desses três gênios.

ESCRITORES