Oasys Cultural
Pesquisa sem resultado

Escritores para feiras de livros

Iza Salles

Jornalista, trabalhou no Jornal do Brasil, no Diário de Notícias e nos jornais de resistência Opinião e Pasquim com o nome de Iza Freaza. Presa em 1970, respondeu a dois processos políticos, no Rio e em São Paulo. Publicou dois livros: Um Cadáver ao Sol (Ediouro, 2005), ensaio sobre anarquismo e comunismo no Brasil, e O Coração do Rei (Planeta, 2008), biografia romanceada de D. Pedro I. Bolsista do governo francês, estudou na Fondation des Sciences Politiques (1966-67), e participou do  Programa Journalistes en Europe (1977-78), em Paris. Foi correspondente do jornal Expresso, de Portugal, na Itália (1981-84) e no Brasil (1985-2003). Uma frase de O Coração do Rei é legenda do retrato de D. Pedro I na seção Império do circuito de exposições de longa duração inaugurado em novembro de 2010 no Museu Histórico Nacional (RJ). A direção do museu pediu, através de carta, autorização para usar a frase: "Por volta das 2h30 da tarde de 24 de setembro de 1834, fechou para sempre os olhos aquele que teve da vida tudo em dobro, uma parte herdada e a outra conquistada – foi imperador do Brasil e rei de Portugal, teve duas pátrias, dois povos, escreveu seu nome na história de dois continentes e amou tantas mulheres que até seu confessor perdeu a conta".

ESCRITORES