Oasys Cultural
Pesquisa sem resultado

Escritores para feiras de livros

Fernando Molica

Nasceu no Rio de Janeiro em 1961. É autor dos romances Notícias do Mirandão, O ponto da partidaO inventário de Julio Reis (todos publicados pela Record), Bandeira negra, amor (Objetiva) e o infanto-juvenil O misterioso craque da Vila Belmira (Rocco). Notícias do Mirandão foi publicado na Alemanha pela editora Nautilus. Escreveu o livro-reportagem O homem que morreu três vezes (Record), que recebeu menção honrosa do Prêmio Vladimir Herzog. Participou das coletâneas de contos Dicionário amoroso da língua portuguesa (Casa da Palavra), O livro branco (Record)  e 10 cariocas (Ferreyra Editor, Córdoba). Foi, por duas vezes, finalista do Prêmio Jabuti. Diretor da Abraji (Associação Brasileira de Jornalismo Investigativo), organizou para a entidade três coletâneas de reportagens: 10 reportagens que abalaram a ditadura, 50 anos de crimes e 11 gols de placa, da coleção Jornalismo investigativo da Record. É jornalista formado na Escola de Comunicação da Universidade Federal do Rio de Janeiro. Trabalhou em O Estado de S. Paulo, Folha de S. Paulo, O Globo e TV Globo. É editor da coluna Informe do DIA, do jornal O DIA, onde também escreve um artigo semanal.

ESCRITORES